terça-feira, 27 de janeiro de 2015

A maior felicidade é quando o olho descobre a beleza onde nem a mente a concebeu nem a mão a sentiu.





Sem comentários: