terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Quando se respeita alguém não queremos forçar a sua alma sem o seu consentimento.












Sem comentários: