segunda-feira, 14 de julho de 2014

Falam da dignidade do trabalho. Bah! A dignidade está no ócio.









Sem comentários: