quinta-feira, 24 de julho de 2014

A banalidade do gosto de ti porque gostas de mim é uma aberração intelectual e um sentimento mesquinho.







Sem comentários: