quinta-feira, 5 de junho de 2014

Os abusos, como os dentes, nunca se arrancam sem dores.













Sem comentários: