sábado, 24 de julho de 2010





Um número crescente de vítimas gays e lésbicas têm procurado o apoio da APAV.

Sem comentários: